Home / Filmes / Whatsapp: Ele está de volta

Whatsapp: Ele está de volta

Durante está semana (19/07/2016) os usuários do aplicativo Whatsapp, categoria na qual me incluo, novamente ficaram impossibilitados de utilizar os serviço por algumas horas. Todos nós temos dentro de nós um pequeno ditador. Que quando contrariado, mesmo sem razão vocifera. Possuindo ele algum poder retalia infantilmente para o desconforto de muitos.

O que diz a razão utilizamos um serviço cujos servidores não se encontram em solo brasileiro. Então quando a justiça nacional não consegue cooperação do seu administrador pasmem, em uma atitude tipica de uma criança de 5 anos quer que todo mundo pare de brincar. Como que não cooperam com o Brasil, afinal de contas somos a joia da coroa mundial, o melhor país do mundo. Onde nascem os melhores jogadores de futebol do mundo. Um verdadeiro absurdo! E ainda quando respondem a questionamentos é em inglês. Será que eles não conhecem a língua portuguesa? Tudo isto passa pela cabeça de um nacionalista revoltado, um pequeno ditador em potencial.

O episódio me fez lembrar de um filme que vi recentemente ‘Ele está de volta‘. A ideia original do escritor alemão Timur Vernes que perneia o livro (Er ist wieder da que serviu de base para o filme. No enredo Hitler aparece em 2011 na Alemanha, como reagiria diante do mundo de hoje. O que ele pensaria sobre a INTERNET, GOOGLE, FACEBOOK, YOUTUBE, WIKIPEDIA e outros temas que perneiam nossa vida atual. O tom do filme é satírico, mas têm momentos que exigem reflexão. O ator Oliver Masucci está excelente como Hitler.

Voltando ao episódio, vejo nas varias vezes em que o Whatsapp foi bloqueado, o responsável pelo bloqueio agindo como um pequeno ditador (escolha o ditador de sua preferência seja ele, Hitler, Stalin, Mao, Fidel Castro, etc). Mas você deve estar pensando agora, eu não. Isto é para outros, é mesmo ? Não se iluda você pertencente a raça humana, também tem dentro de si este pequeno ditador e ignorá-lo, não irá contê-lo. A melhor maneira de lidar com isto é sempre que possível refletir sobre suas ações e quando exagerar não se acanhe e peça desculpas. O filme está disponível para assistir no Netflix.

Se gostou curta e siga

Sobre marcelo

Veja também

O inicio da informática a batalha pelo melhor PC

A competição é mostra o melhor e o pior de nós humanos. Esta semana assisti …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial